Romance Hot – a nova onda do mercado editorial

Romance Hot – a nova onda do mercado editorial

Romance Hot nada mais é do que velho e conhecido livro erótico. Mas agora, por mais uma frescura, mais um modismo, ele está sendo chamado de romance hot. Ou seja, um romance quente, picante, apimentado, cheio de muita sacanagem da boa!

Nos últimos anos este tipo de literatura teve um crescimento exponencial no mercado editorial. Todo mundo já ouviu falar do famoso romance hot “50 Tons de Cinza” da escritora inglesa E. L. James.

Romance Hot vende mais na versão digital

O interessante é que as vendas explodiram mesmo na modalidade livro digital, ou e-Book como muitos preferem chamar.

E por que isso? Muito simples: o livro digital é totalmente discreto. Você pode ler no meio do saguão de um aeroporto lotado e ninguém vai conseguir saber que diabos você tanto lê. Ao contrário do livro impresso, que todos conseguem ver a capa e até o título (geralmente picante) da obra que você está devorando com cara de satisfação e até um leve semblante de safadeza.

Isso fez com que o público feminino (sempre mais reservado) corresse com tudo para o romance hot na modalidade eletrônica. E esse fenômeno não acontece só aqui no Brasil. É no mundo todo.

Mas há vários outros tipos de livro tão quentes quanto um romance hot, que, no entanto, não levam este rótulo. São romances policiais, por exemplo, carregados de cenas ardentes de sexo, só que totalmente inseridas dentro do contexto da história em si. Ou seja, não é um livro sobre relacionamento amoroso quente, mas que dentro de seu bojo traz, como parte integrante dos acontecimentos, cenas chamadas de hot.

Isso ocorre em todos os tipos de literatura: policial, suspense, terror, romântica etc.

Depois da explosão mundial de vendas de 50 Tons de Cinza, as editoras, até então bastante resistentes, resolveram assumir de vez que o público gosta mesmo desse gênero e, então, lançaram cada vez mais livros de romance hot. Algumas até solicitam aos autores de outros gêneros que incluam cenas hot em suas histórias.

Romance Hot, por que vende tanto?

Sexo vende? Vende. E muito. E qual o problema nisso? Nenhum. Sexo, aventuras românticas são inerentes ao ser humano desde os primórdios dos tempos.

Entretanto, essa característica foi durante séculos e séculos reprimida, proibida. Principalmente proibida para as mulheres, a quem a sociedade machista sempre impôs uma condição de santa. Uma loucura desvairada!

Os livros de romance hot trazem o sexo em todas as suas formas. Envolvem fantasias dos mais diversos tipos, sem pudor, sem preconceitos, sem amarras em dogmas estabelecidos por religiões etc.

Romance-Hot

São, em geral, livros para as pessoas se libertarem, se soltarem e sonharem com todo o prazer sexual que sempre quiseram. Alguns conseguiram realizar na vida real, mas a maioria só ficou mesmo no sonho, e o romance hot preenche essa lacuna. Por isso vende tanto. Porque esses desejos estão dentro de todos nós. Na maioria está de modo inconfessável, mas está.

Esta é toda a magia da literatura: libertação, realização ainda que imaginária. Além de levar ao leitor a maravilhosa sensação e certeza de que não é apenas ele que sente isso ou aquilo nesse mundão grandão de meu Deus.

Por isso, eu sempre digo que livro não tem preço. Seja romance hot, seja romance policial, seja qualquer outro tipo de leitura, não tem preço.

Muitas e muitas vezes as pessoas gastam muito mais dinheiro em um simples almoço fora de casa, que tem lá seus prazeres, mas que jamais vai trazer aquela sensação extremamente pessoal, que somente um livro pode proporcionar. Além disso, ele pode ser lido e relido e até mesmo compartilhado com os mais próximos. Já o almoço…

Conheça A Mulher da Quarta-Feira – Baixe 2 capítulos GRÁTIS

Livros-policiais-mais-vendidos-no-mundo

 

2 Comentários


    1. Olá, Mariana. Obrigado por sua participação. O meu romance A Mulher da Quarta-Feira é super hot. Você pode baixar os 2 primeiros capítulos no link a a seguir: http://1f0eb1e.contato.site/capitulos e se gostar, poderá comprar. Muito obrigado e um forte abraço.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *